Futebol Nacional e Internacional – Notícias, Vida e Transferências

Rio Ave poderá ter um investidor de ouro

Presidente de um clube “grande” de Espanha, está interessado em investir no Rio Ave, para ajudar os vilacondenses com um “empurrão”, a subir na tabela classificativa da primeira Liga Portuguesa.

Com 76 anos de história, o Rio Ave poderá dar um grande passe rumo a lugares mais altos. Depois de ter conquistado um lugar na Liga Europa esta época, tudo indica que o empresário mais conhecido (Jorge Mendes, claro), terá conversando e convencido Peter Lim, presidente e grande investidor do Valência, a investir na futura SAD do Rio Ave.

Peter Lim, poderá assim, estar perto de assumir controlo da gestão do futebol profissional do clube de vila-do-conde.

Em visível crescimento, e com resultados desportivos positivos, além de ter finanças sedutivas (7 anos seguidos com lucros), o Rio Ave já tem estado debaixo de olho de Jorge Mendes, que ajudou António Silva Camps, em 2012, quando este levou o antigo guarda-redes do FC Porto, Nuno Espírito Santos, para os Arcos, naquela que foi a sua primeira experiência como treinador principal.

Os resultados do actual treinador do Valência foram bastante positivos, e em apenas 2 anos, o Rio Ave chegou à final da Taça de Portugal e da Taça da Liga, o que lhes deu acesso às pré-eliminatórias da Liga Europa.

Jorge Mendes, ajudou não só com o treinador, como também a levar certos jogadores para o clube nortenho, tais como Ederson, Alberto Rodríguez, Filipe Augusto, Diego Lopes ou Bebé, o que vieram dar enorme qualidade aos plantéis que passaram naquele clube, nos últimos 3 anos.

Depois de ter “roubado” Nuno Espírito Santo ao Rio Ave, para colocá-lo no Valência, Peter Lim pretende ajudar os verdes-e-brancos a chegar a uma das primeiras seis posições da Primeira Liga. Depois de investir 90 milhões no Valência, o asiático ficou agradado e interessado no projecto do Rio Ave e não tem dúvidas de que é um excelente projecto a explorar.

É certo que o clube terá que passar a ter uma SAD, mas essa é uma decisão que será tomada exclusivamente pelos associados do Rio Ave. O clube terá que possuir pelo menos 10% da nova SAD. Os sócios também vão “dar voz”, à percentagem a que Peter Lim terá direito sobre o clube vila condense. Depois de uma assembleia geral, que ainda não tem data definida, assim que o “sim” seja dado, o investidor irá entrar no Rio Ave, oferecendo as melhores condições para que o clube chegue aos primeiros postos no campeonato português.