Futebol Nacional e Internacional – Notícias, Vida e Transferências

Socos e cabeçada no estádio resultam em despedimento!

«É um grande jogador, mas as recentes descobertas após o incidente, não nos deixaram escolha», afirmou o presidente do Bayer Leverkusen após despedir Emir Saphic com mútuo acordo.

Após ter sido substituído aos 90 minutos, no jogo da passada quarta-feira em que o Leverkusen ficou afastado da Taça, depois de perder 5-3 nas grandes penalidades frente ao Bayern, um vídeo mostra que o defesa do Leverkusen agrediu um segurança com socos e cabeçada.

Devido ao ocorrido, o clube não perdoou, e informou também que está neste momento em cooperações com a polícia, que investiga o jogador, por suspeitas de agressão agravada.

Emir Saphic, de 34 anos, lamentou o sucedido e já pediu desculpas ao segurança e à família. O jogador tinha um contrato com o clube até 2016, e abandona-o antes de completar duas épocas ao serviço do mesmo, jogando em 49 jogos da Bundesliga.