Jogadores PT

CARLOS VIEIRA EXPLICA PORQUE QUERIA TER EUSÉBIO NO MUSEU DOS LEÕES

Numa opinião publicada no site Leonino, Carlos Vieira, ex-dirigente do Sporting, defendeu que Eusébio deveria estar no museu dos leões, palavras que originaram as mais variadas reações. Estará a falar a sério? Estará a ironizar?

Carlos Vieira explicou que essa é a sua opinião convicta: «Um museu conta uma história, não é um local de culto. Um museu deve ser um retrato da história de um clube, que deve ser respeitada, seja ela pela positiva ou negativa, caso de sucesso ou insucesso.»

O antigo dirigente lamenta a forma como, na altura, os leões deixaram fugir o pantera negra para o rival Benfica, que, inclusive, já foi argumento para um filme, mas reforça que Eusébio «é uma figura nacional».

E revela a existência de uma fotografia no Estádio José Alvalade onde Eusébio surge equipado à Sporting.

«Quando estava na Direção sugeri que essa fotografia fosse colocada no museu. Eusébio está integrado na equipa do Sporting de Lourenço Marques, que foi campeã em Moçambique», lembra, mostrando algum espanto tendo em conta as várias reações que recebeu, boas e más, dos mais velhos aos mais novos: «O texto é apenas um parêntesis num artigo que escrevi em que abordo a conflitualidade latente dos sportinguistas com os atletas que, por uma razão ou outra, acabam por sair. E estas reações só provam que o Sporting, e alguns sportinguistas, não conseguem sarar feridas.»

De referir que Carlos Vieira defendeu o perdão para Rafael Leão caso este regressasse ao Sporting.