Futebol Nacional e Internacional – Notícias, Vida e Transferências

“Jesus gosta permanentemente de se enaltecer” – Mourinho

José Mourinho voltou a comentar o bate-boca com Jorge Jesus sobre a descoberta de Talisca.

“Não, não acho que tenha ido longe demais. Uma pessoa pode ser convencida das suas próprias capacidades, orgulhosa, pode até gostar permanentemente de se enaltecer, mas para isso não precisa de se empoleirar em cima dos outros. Naquele caso muito específico, quando o Jorge [Jesus] se sente orgulhoso do trabalho que o Benfica fez na deteção do talento e do trabalho que realiza com o jogador no terreno, parece-me absolutamente normal. O que não me parece normal é que tenha dito – e disse-o, não me recordo se explícita ou implicitamente – que os outros não o fazem, mesmo que de forma sarcástica”, afirmou Mourinho, em entrevista ao jornal “O Jogo”.

“Portanto, repito aquilo que disse. E isso não significa que queremos o Talisca para alguma coisa, não queremos o jogador para nada. É uma coisa lógica: qual é o jogador no mundo, hoje em dia, que é detetado só por um clube? Só se estiver escondido num túmulo e alguém o descobrir num safari em África.”