Futebol Nacional e Internacional – Notícias, Vida e Transferências

José Sá nos braços dos adeptos dos Wolves

José Sá nos braços dos adeptos dos Wolves

A saber, no início da época, José Sá chegou ao Wolverhampton para substituir um ídolo e companheiro. Decerto, desde que Rui Patrício se foi a Roma, o novo guarda-redes português assumiu a posição e vem agradando aos adeptos dos lobos.

A grande legião de portugueses no plantel da equipa ajudou a José no primeiro momento, conseguindo a adaptação rapidamente. A equipa conta com mais de sete atletas lusitanos, contando ainda com o treinador Bruno Lage:

“Rui Patrício é um grande guarda-redes, por isso, foi difícil substituí-lo. Não foi mesmo nada fácil. Temos um grupo muito bom, todos me ajudaram a adaptar-me ao campeonato e isso ajudou-me também a ganhar confiança para ajudar a equipa. Conheço muitos dos meus colegas de equipa porque jogamos juntos na Seleção Nacional. Foram todos fantásticos porque ajudaram-me na adaptação à vida em Inglaterra”.

Decerto, após três anos jogando na Grécia, o ex arqueiro do Olympiakos sabe que chega em seu melhor momento na carreira, o que tem dado ao jogador as chances até mesmo na seleção, onde também tem Patrício como companheiro:

“Estou confiante porque sei que os meus colegas de equipa me apoiam. Um guarda-redes precisa de uma boa defesa”.

https://www.youtube.com/watch?v=yN6HMyvXxM4

José Sá com elogios de grandes na Inglaterra

Portanto, o guarda-redes vem encantando além dos adeptos, também os grandes analistas. Na última semana, o ex jogador Gary Neville elogiou demais José. Para o eterno lateral do Manchester United, agora analista de um canal de TV, esta foi uma da principais contratações da janela de verão na Premier League. O goleiro agradeceu ao elogio de Neville e comentou sobre o campeonato:

“É bom ouvir uma lenda, um dos grandes nomes do futebol, falar de mim. Fiquei muito feliz, claro, porque, na minha opinião, a Premier League é o melhor campeonato do Mundo”.

Foto destaque: Reprodução/Wolverhampton