Jogadores PT

Mino e Azia e um dos problemas do Benfica!!

A honestidade e frontalidade de João Teixeira, médio de 26 anos, que se estreou no Benfica com 21, num jogo da… Liga dos Campeões. Desde então, muito mudou na vida do jogador, que encontrou em Trás-os-Montes o local ideal para voltar a sentir a alegria de jogar futebol. E garante ainda ter alguma coisa a mostrar…

Tem apenas 26 anos, mas quando falamos do João Teixeira dá sempre a ideia de ter mais idade porque surgiu muito novo. Esse aparecimento prematuro foi positivo na sua carreira?
Se quer que lhe diga, nem sei… Acho que se aconteceu assim era porque tinha de acontecer. Agora se foi positivo ou não, acho que já depende da maturidade que tinha ou não naquela altura.

9 de dezembro de 2014. Diz-lhe alguma coisa?
Não sou muito bom com datas… [risos]. Mas acredito que tenha sido algum momento importante. Recorde-me…

Jogo com o Leverkusen na Champions, na sua estreia com a camisola do Benfica.
Verdade! Não me recordava da data, mas guardei a camisola desse jogo e é um momento que fica guardado para sempre.

Hoje parece haver mais espaço para a afirmação de jovens nos grandes. Acredita que se estivesse agora a aparecer seria mais fácil singrar no Benfica?
Acho que se continuasse com a maturidade que tinha nessa altura não conseguiria na mesma… Acho que isso teve a ver muito com a minha atitude, maturidade… Claro que agora se aposta muito mais. Se calhar com um pouco mais de cabeça teria conseguido.

O que quer dizer com ‘um pouco mais de cabeça’?
Um bocado mimado e aziado. Era esse o meu problema.

E já mudou muito?
Continuo aziado, mas uma azia que é boa para mim. Mas sim, acho que estou melhor. Aprendo com os erros.

Em três anos, de 2015 a 2018, representou uma mão cheia de clubes. Conseguiu encontrar a estabilidade em Chaves, onde está desde o verão de 2018?
Não foi fácil andar de clube em clube. Não havendo essa estabilidade e sendo apenas empréstimos complica uma afirmação.

O Chaves é um clube diferente dos que representou?
É um clube que primeiro cumpre, algo que em Portugal, por vezes, é difícil de encontrar, e depois é um histórico, que representa uma região e tem excelentes condições. Pena mesmo foi a descida de divisão…