Futebol Nacional e Internacional – Notícias, Vida e Transferências

“Mourinho provocou-me? Foi o que eu senti” – Wenger

O treinador do Arsenal, Arsène Wenger, reconheceu que não agiu da melhor maneira no incidente com Mourinho mas diz ter sido provocado.

“Sempre lamentei qualquer sinal de violência e por isso peço desculpa, mas isso faz parte do jogo quando os ânimos estão exaltados. Mourinho provocou-me? Foi o que eu senti”, afirmou Wenger, em declarações à Téléfoot.