Futebol Nacional e Internacional – Notícias, Vida e Transferências

“Enquanto não haja um pedido de desculpas, não voltará a jogar pelo City”

“Enquanto não haja um pedido de desculpas, não voltará a jogar pelo City”

Pep Guardiola, treinador do Manchester City, revelou que enquanto não existir um pedido de desculpas do empresário de Yaya Touré, este não volta a jogar na equipa.

“Foi muito difícil deixá-lo de fora da lista da Champions. Muito difícil. Eu conheço-o e sei que ele é bom rapaz”, começou por dizer.

“Depois do agente ter falado, o Yaya ficou de fora”, revelou o técnico catalão.

Mas esta situação poderá alterar-se caso haja um pedido de desculpas: “Se o senhor Dimitri Seluk falar com a imprensa, porque ele não tem coragem de me ligar, e pedir desculpa ao Manchester City, aos colegas de equipa do Yaya e ao treinador”.

Recorde-se, há cerca de três semanas, o empresário afirmou que o Guardiola “não tinha tomates para admitir que errou ao excluir Yaya Touré” caso o City não ganhe a Champions.