Futebol Nacional e Internacional – Notícias, Vida e Transferências

Os dois muçulmanos do plantel do Benfica!

Os dois muçulmanos do plantel do Benfica!

O médio Adel Taarabt e o avançado Haris Seferovic, os dois muçulmanos do plantel do Benfica, estão a respeitar, nos respetivos domicílios, o Ramadão, mês mais importante do calendário islâmico, que obriga a jejum da aurora ao pôr do sol.

O marroquino, de 30 anos, informou o Benfica da prática de abstinência de comida, bebida ou relações sexuais que teve início a 23 de Abril, enquanto o suíço de 28 anos está a respeitar com algumas limitações aquele que é um dos pilares do islamismo.

O plantel dos encarnados voltará, segunda-feira, ao centro de treino e formação dos encarnados, no Seixal, para retomar os treinos no relvado. E ambos poderão suspender o jejum, para depois ser retomado quando acabarem as competições profissionais.

«A quarentena pode beneficiar os jogadores, que estão em casa. Doentes, viajantes, grávidas, mulheres que estão a amamentar ou idosos não jejuam. Se o atleta a jogar, preferencialmente por razões profissionais, como nos dias de jogos, e não conseguir jejuar, alguns teólogos dizem que terá de jejuar quando acabar o Ramadão» o xeque David Munir, imã da mesquita de Lisboa.

As exigências do desporto de alta competição nem sempre são, naturalmente, conciliáveis com a prática do jejum no Ramadão. É certo que, agora, os jogadores estão em casa. Mas, mesmo assim, estão a manter a forma física. Depois do último treino, a 12 de Março, no Estádio da Luz, os jogadores do Benfica trabalharam em casa, com planos específicos, até 7 de Março, dia em que entraram de férias. Continuaram, porém, a cumprir planos de manutenção física, cuja intensidade aumenta agora que o regresso aos treinos no Seixal está cada vez mais perto. É, como tal, por isso que Seferovic não tem respeitado à risca o jejum, afinal o esforço físico já é considerável neste período que antecede a nova pré-época que todas as equipas vão iniciar.

O assunto será, então, discutido pelo jogadores e toda a estrutura técnica e médica do futebol profissional. Bruno Lage dividiu o plantel em quatro grupos, que irão treinar-se separadamente e em horas diferentes a partir de segunda-feira. Taarabt e Seferovic, curiosamente, fazem parte do mesmo e têm agendado treino para as 16.30 horas. Os dois vão, então, adiar o respeito dos dias de jejum que faltam até ao final do Ramadão (23 de maio) para depois do final das competições (ainda sem data definida).