Futebol Nacional e Internacional – Notícias, Vida e Transferências

Presidente do FC Porto esteve a falar sobre a janela de transferências

Presidente do FC Porto esteve a falar sobre a janela de transferências

A saber, o presidente do FC Porto, Pinto da Costa, esteve a falar sobre o mercado de transferências de sua equipa. Com tom de brincadeira e ironia, o mandatário esteve a comentar sobre as especulações de saídas de alguns dos jogadores dos Dragões. O primeiro, entretanto, é o treinador Sérgio Conceição, que tem seu nome a circular nos bastidores do PSG:

“Segundo me dizem os meus amigos, acho que o Sérgio Conceição já está em Paris há muito tempo. Ontem recebi um telefonema dele e pelo vento dava-me ideia que ele estava a falar da Torre Eiffel”.

A ironia esteve a continuar quando disse que o FC Porto já não teria um 11 inicial, pois a imprensa vendeu todos os atletas da equipa:

“Mais preocupado com as saídas tenho de estar com as entradas, porque, pelo que tenho ouvido e lido, o FC Porto já não tem equipa, já foi tudo embora. O Diogo Costa está no Barcelona, o Taremi no Fenerbahçe, o Vitinha em Inglaterra, o Toni Martínez no Valência… Vamos partir do zero, não temos ninguém. Quando o novo treinador vier, porque o Sérgio Conceição parece que também vai para o Paris Saint-Germain, vamos estudar as entradas, porque as saídas é muito fácil”.

Ninguém sai abaixo da multa

Portanto, após as risadas gerais do auditório onde o presidente esteve a falar, a conversa ficou mais séria. Pinto da Costa garantiu que nenhum jogador sairá da equipa, se não houver o pagamento da clausula:

“Não temos ninguém para sair, mas temos de admitir: qualquer jogador que bata a cláusula de rescisão não podemos impedir que saia. Já tivemos propostas altas, mas não chegaram às cláusulas de rescisão. 

A única coisa que posso prometer é que não há qualquer contacto de nenhum clube em relação ao Diogo Costa até hoje, nem em relação ao Taremi nem ao Toni Martínez. Houve uma oferta concreta de um valor considerável pelo Vitinha, que nós não aceitámos e remetemos para a cláusula de rescisão, que é a única maneira de nos levarem o jogador”.

Foto destaque: Reprodução/FCP