Futebol Nacional e Internacional – Notícias, Vida e Transferências

SC Braga se reencontra com o bom futebol

SC Braga se reencontra com o bom futebol

Em suma, após as duas eliminações nas taças locais, o SC Braga se reencontrou com o grande futebol. Decerto, o 6 X 0 contra o Arouca, fora de casa, deu esperanças para o futuro da época.

A saber, Carvalhal deu declarações sobre o que esperar à partir de agora. Decerto, com alguns jovens no plantel principal, o treinador sabe que precisará contar com os “miúdos” da academia:

“A resposta foi coletiva de toda a equipa. Reagimos muito bem à adversidade em Vizela, quando reduzidos a 10 e com 9. O que pedi hoje foi para dar sequência à segunda parte de Vizela quando estávamos com 10 e que parecíamos estar com 12. O desafio hoje era jogar com 11 parecendo que estávamos 12. A equipa correspondeu muito bem. Se eu estava à espera da situação do Falé, que não tem treinado connosco… Conheço bem o Falé, ficamos de olho nele, temo-lo seguido nos sub-23, a vantagem é que a equipa sub-23 joga em sistema muito idêntico ao nosso, numa posição que lhe é confortável.

Na ausência do Ricardo Horta não tivemos dúvidas em chamá-lo. Os outros… O Bruno Rodrigues, Moura, Vitinha já os considero seniores. O Dinis e Schurrle também tiveram oportunidade de se estrear, com a janela de oportunidade de pandemia e outros impedimentos. Mas é este o nosso olhar sobre a formação, já levávamos 8 ou 9 jogadores estreados, tem sido uma constante aqui no SC Braga”.

https://www.youtube.com/watch?v=v_hJPCdVjbk

Goleada trouxe diversos jovens do SC Braga

Portanto, logo no início da partida, o 11 inicial trouxe o Falé, menino de 17 anos, formado na academia. O avançado estreou na jornada 16 ao lado de outro nome também da base. Vitinha, de 21 anos, marcou o Hat trick no 6 x 0 e tem sido um dos principais jogadores do SC Braga no ano.

A saber, os miúdos voltam ao relvado no dia 09/01, contra o Famalicão.

Foto destaque: Reprodução/SC Braga