Futebol Nacional e Internacional – Notícias, Vida e Transferências

Sérgio Conceição pede calma no título

Sérgio Conceição pede calma no título

O treinador da equipa do FC Porto, Sérgio Conceição, pediu calma aos adeptos, no que se refere ao título nacional. A saber, cada vez mais perto da taça, o líder dos Dragões faz questão de não deixar nada se acomodar:

“Estou sempre alerta e muito desconfiado, normalmente é nestes momentos perto dos títulos que as equipa se distraem e podem hipotecá-los. Temos de estar desconfiados e vamos preparar muito bem o próximo jogo (Portimonense), estamos concentrados em fazer o melhor”.

A equipa venceu o jogo contra o Guimarães por 1 x 0, numa partida difícil. Conceição falou sobre o resultado:

“Fizemos um jogo muito competente, é sempre difícil jogar aqui, em Guimarães, é um ambiente sempre complicado. Mesmo assim criámos três ou quatro ocasiões de golo na primeira parte e na segunda a mesma coisa, para além do penálti falhado. O Vitória não teve grandes ocasiões mas, nesta parte final, recuámos e podíamos ter guardado mais a bola. Tínhamos jogadores em campo para isso, a minha mensagem era para ficar com bola e tentar o segundo golo para tranquilizar a equipa. Mas entende-se, com o fim do campeonato a aproximar-se, os jogadores querem é que o jogo acabe rápido mas normalmente isso não corre bem”.

Falta pouco para a taça

O FC Porto lidera o torneio com 79 pontos. A equipe não perdeu no nacional, com 25 vitórias e quatro empates. Decerto, somente faltam cinco jogos e a vantagem é de seis pontos para o segundo colocado, Sporting. O desejo dos adeptos é de que a taça chegue aos Dragões no jogo contra o Vizela, no dia 30/04.

“Vale o que vale. Se não conseguirmos títulos no final da época não vou ver os adeptos nos Aliados a festejar o recorde do Sérgio Conceição. Quero é festejar títulos. Este recorde terá significado, sim, se conquistarmos os dois troféus que tanto ambicionamos. Apesar disso, é claro que não sou pedra nem gelo para não perceber que são números muito interessantes. É o Sérgio Conceição que dá a cara mas é um trabalho feito por muita gente por trás”, finalizou Conceição.

Foto destaque: Reprodução/FC Porto