Futebol Nacional e Internacional – Notícias, Vida e Transferências

SL Benfica: Ministério Público suspeita de Viera

SL Benfica: Ministério Público suspeita de Viera

O Ministério Público (MP) suspeita que Luís Filipe Vieira, ex-presidente do SL Benfica, recebeu dinheiro em 55 negócios de jogadores, entre 2012 e 2020.

A princípio, esses negócios geraram € 10 milhões para Viera. Entre os jogadores incluem-se, entre outros, Weigl, Talisca, Jonas, Lisandro López, Raúl de Tomás e Pedrinho.

Quando a operação resultou nas detenções de Luís Filipe Vieira, do filho Tiago Vieira e dos empresários José António dos Santos e Bruno Macedo, as suspeitas do MP recaíam, apenas, em três negócios: o do brasileiro César Martins e os paraguaios Derlis González e Cláudio Correa. Todas com a intermediação de Bruno Macedo. Os meses passaram e o número de negócios investigados também. Alguns deles bem recentes.

Todos estão em liberdade após pagarem as respetivas cauções. A de Vieira, por exemplo, era de €3 milhões.

Foto destaque: Divulgação / Gerardo Santos / Imago Imagens