Futebol Nacional e Internacional – Notícias, Vida e Transferências

Treinador do FC Paços reclama de arbitragem: “Não gostei”

Treinador do FC Paços reclama de arbitragem: “Não gostei”

A saber, a derrota para o Benfica foi o resultado que o treinador Cesar Peixoto não concordou. Decerto, as Águias venceram por 2 x 0, mas o comandante do FC Paços elogiou a postura de sua equipa. Cesar sabia que a partida se desenharia demasiada difícil, mas a arbitragem interferiu ainda mais:

“Na primeira parte o Benfica entrou forte e criou uma ou outra situação, sentimos ali um bocado, mas estivemos sempre organizados. Faltou-nos um pouco mais de bola. Na segunda parte, e face à expulsão antes do intervalo, que nos condicionou por completo, o domínio do Benfica foi total, mas caímos de pé, tenho muito orgulho naquilo que os meus jogadores fizeram nestas circunstâncias muito difíceis. Até podíamos ter chegado ao empate num lance do Diaby e num outro, o que, jogando perante o seu público, colocaria muita pressão no Benfica. Depois o Grimaldo fez o 2-0 e já pouco havia a fazer. Mas a equipa teve sempre organização, caráter e alma, acreditando e lutando até ao fim, é este o caminho que quero. Claro que frente ao Benfica, no Estádio da Luz, se já era difícil em igualdade numérica, com menos um é ainda mais complicado”.

Reclamações a arbitragem por parte do Paços

Decerto, quando questionado sobre a arbitragem, Cesar Peixoto não quis se estender, pois esteve a falar sempre de seu time. Entretanto, por insistência das perguntas, resolveu falar sobre:

“Não costumo arranjar desculpas pela arbitragem. Acho que em Portugal se expulsa muito facilmente, mas a única coisa que tenho a dizer é que não gostei. Mais nada. Ainda não vi o lance [da expulsão de Denilson], não posso ter certezas, mas pelo que me dizem não é propositado. Mas já disse que não quero entrar por aí, o Benfica venceu bem e sobre a arbitragem apenas digo que não gostei”.

Foto destaque: Reprodução/FC Paços