Futebol Nacional e Internacional – Notícias, Vida e Transferências

Holanda e Costa Rica nos quartos-de-final

Este domingo houve mais 2 jogos deste Mundial'2014, desta vez para encontrar as outras duas equipas que vão estar frente a frente nos quartos-de-final.

Holanda – México e Costa Rica – Grécia, dois jogos que pareciam resolvidos e só faltava o apito final, quando aconteceram surpresas.

 

A Holanda venceu o México por 2-1, mas esteve a poucos minutos de ser eliminada!

Uma primeira parte repartida por ambas as partes com um equilíbrio na posse de bola. Os Mexicanos entraram melhor para a segunda parte, com um golo num remate vindo de longe de Giovani dos Santos. Aos 88 minutos o México ganhava o jogo por 1-0 e parecia que já se estava a adivinhar a próxima seleção a passar aos quartos-de-final, quando Sneijder aproveitou uma bola solta na área dos sul americanos, rematando forte para o fundo da baliza, fazendo o empate. Aos 94 minutos, o árbitro português Pedro Proença assinalou uma grande penalidade a favor da Holanda, e Huntelaar fez assim o 2-1 para a Holanda, qualificando a laranja mecânica para os quartos-de-final.

 

A Costa Rica com 10 jogadores venceu a Grécia nas grandes penalidades, após um empate 1-1 feito aos 91 minutos.

A Costa Rica quase que se apurava para os quartos-de-final durante o tempo regulamentar, mas a Grécia empatou o encontro aos 91 minutos. Após uma primeira parte sem golos, a equipa surpresa deste mundial, adiantou-se no marcador aos 52 minutos por intermédio de Bryan Ruiz. Aos 67 minutos, Óscar Duarte vê o 2º amarelo e deixa os costa riquenhos com 10 jogadores. A partir daqui, a Grécia foi com tudo para o ataque e quando parecia que já estava definido o adversário da Holanda, Papastathopoulos aos 91 minutos faz o golo para a Grécia e empata o encontro. Logo de seguida ficou uma grande penalidade por assinalar a favor da Costa Rica.

Durante o prolongamento, o guarda-redes da Costa Rica foi a grande figura, segurando o resultado do jogo e levando a decisão final para o desempate através da marca de grandes penalidades. Antes das grandes penalidades, o técnico português Fernando Santos, foi expulso por discutir com o árbitro. O guardião dos costa riquenhos, Keylor Navas, acabou por fazer uma grande defesa nas grandes penalidades, dando o apuramento para os quartos-de-final à seleção da Costa Rica pela primeira vez na história desta seleção.

 

A passagem às meias-finais será discutida dia 5 de Julho entre a Holanda e a Costa Rica.