Jogadores PT

“Nunca ninguém te vai amar mais do que eu”

Com o encerrar da época em Itália, chega também uma partida e bem dolorosa.

Totti já foi, junta-se agora o seu braço direito, Daniele De Rossi. O fim da era em Roma, já avido sendo anunciada, mas agora é o momento da verdade. Embora De Rossi, saia de Roma, o médio italiano, seguirá carreira noutras palavras. Contudo, De Rossi, deixou uma carta emotiva antes de dizer o adeus, por agora:

“Foi uma longa jornada, intensa e sempre acompanhada pelo meu amor pela equipa. Não quero deixar este agradecimento no ar, porque, enquanto escrevo estas palavras de agradecimento, a minha mente analisa conceitos que não são abstratos, mas memórias especificas, sensações, caras e vozes… Nunca ninguém te vai amar mais do que eu. Arriverderci”.

 

Como tudo começou.