Futebol Nacional e Internacional – Notícias, Vida e Transferências

Portugal x Luxemburgo como aconteceu – Resultado, destaques e reação

Portugal x Luxemburgo como aconteceu – Resultado, destaques e reação

Nesta terça-feira (12), Portugal x Luxemburgo terminou com vitória lusitana por (5 x 0), em partida a contar para a 6ª jornada das Eliminatórias da Copa do Mundo 2022. Num jogo, onde Cristiano Ronaldo foi a grande figura da goleada ao Luxemburgo, numa noite na qual chegou aos 115 golos pela seleção de Portugal.

Assista aos melhores momentos do Portugal x Luxemburgo

1º Tempo: Portugal vence Luxemburgo ao intervalo

Em suma, Portugal venceu o Luxemburgo por 3 x 0 ao intervalo, no antepenúltimo encontro da seleção lusa no Grupo A de qualificação para o Campeonato do Mundo de 2022. Num jogo, onde os lusos dominaram e marcaram: Ronaldo bisou de penálti, Bruno Fernandes fez o outro tento.

Deste modo, aos 8’, Cristiano Ronaldo, através da marcação de uma grande penalidade. Remate forte do camisola 7 para o centro da baliza, Moris atirou-se para a direita. 

Posteriormente, aos 13 minutos, Ronaldo de novo converteu com sucesso a grande penalidade! Contudo, a seleção portuguesa queria a vitória. Assim, aos 17’, remate cruzado de Bruno Fernandes depois de passe de Bernardo Silva para marcar o terceiro golo.

2º Tempo: Portugal vence e o mundial é já ali

Pela segunda etapa, ambas as equipas tiveram chances de marcar. Entretanto, a seleção da casa que chegou ao quarto golo. Desta maneira, aos 69’, na sequência do canto, mais um golo. Palhinha chegou com a cabeça onde Morris não chegou com as mãos e desviou para o 4 x 0. 

Entretanto, a goleada não parou por aí. Assim, Cristiano Ronaldo, aos 87 minutos, chegou ao desejado hat-trick. Por fim, Portugal venceu Luxemburgo em seus domínios por 5 x 0.

Portugal x Luxemburgo  – E Agora?

Dessa maneira, Portugal segura o segundo lugar do agrupamento, com 16 pontos, em seis jogos.  Por outro lado, no dia 14 de novembro, Portugal vai visitar a Sérvia, enquanto Luxemburgo visita o Azerbaijão no dia 11 de novembro.

Foto destaque: Divulgação/Twitter/Portugal

Por: Alinne Tedesco