Jogadores PT

Saída de Bruno Lage do Benfica pode estar por horas

Equipa técnica liderada por Lage irá continuar a receber ordenado do clube até conseguir uma nova colocação. O empresário Jorge Mendes está a intermediar a operação que envolve Marco Silva

Bruno Lage sai nas próximas horas e Marco Silva deverá substituí-lo no comando técnico do Benfica. Campeão nacional na última temporada, após uma assinalável recuperação na tabela, ultrapassando o FC Porto, o treinador, natural de Setúbal, deixa o clube da Luz após um conjunto de resultados muito negativos e que colocam em causa a revalidação do título de campeão, a seis jornadas do fim do campeonato.

Segundo O JOGO apurou, Bruno Lage e a restante equipa técnica irão continuar a receber os salários do Benfica, até ser encontrada uma nova solução para o seu futuro. Esta medida evita a rescisão contratual, que obrigaria a um esforço financeiro superior da SAD – teria de pagar de uma só vez os ordenados até ao fim do contrato, ou seja, 2024, pois renovaram contrato esta temporada.

Lage, de resto, tinha uma cláusula de rescisão de 20 milhões de euros. Esta operação avançará nos referidos moldes devido à intervenção de Jorge Mendes, empresário de Bruno Lage e que mantém relações comerciais privilegiadas com o Benfica.