Futebol Nacional e Internacional – Notícias, Vida e Transferências

Transferência Kane: O que falta para o ele chegar em Manchester?

Transferência Kane: O que falta para o ele chegar em Manchester?

O mercado da bola segue atento a situação da Transferência Kane. Após o feito histórico com a seleção da Inglaterra, Kane quer deixar a capital Londres e se mudar para Manchester. A vontade do goleador inglês é assinar com os Citizens. Com contrato renovado, ele depende da direção do Tottenham, que diz que o jogador não está à venda.

No Spurs há 12 anos, Kane busca de novos desafios, já que o Tottenham fora das principais ligas europeias. Kane enxerga na transferência para o Manchester City uma oportunidade de jogar em alto nível e em um equipa competitivo. No entanto, as hipóteses do Spurs liberar o atleta são baixíssimas.

Com contrato até 2024, Kane está insatisfeito com a direção do clube de dos Spurs. Em 2020 a direção disse que o liberaria caso não fosse conquistado nenhum título importante. Mesmo sem conseguir a classificação para a Liga, o clube dificulta a transferência de Kane para o City.

Ausência em treinos e jogos

Eleito o melhor garçon da Premier League em 2021, Harry Kane faltou nos últimos treinos do Tottenham. Também ficou de fora da primeira partida do equipa contra o mesmo Manchester City que quer contratá-lo. Depois da vitória, o técnico do Spurs, o português Nuno Espírito Santos, disse ao canal desportivo Sky Sports:

“Harry treinou nesta manhã e está se condicionando. Quando ele estiver preparado, vai se juntar ao grupo e ajudar a equipa. Harry Kane é um dos melhores jogadores do mundo e temos muita sorte de tê-lo connosco.”

Apesar de Nuno reforçar que o jogador está nos planos do clube, o mesmo não pode ser dito de Kane. O jogador nem sequer viajou com o grupo para Portugal, onde o Tottenham jogará contra o Paços Ferreira. Será a primeira partida do clube na play-off da UEFA Liga Conferência.

Transferência Kane: Pep Guardiola espera

O próprio técnico dos Citizens, Pep Guardiola, disse que tem interesse no jogador e que a transferência de Kane depende apenas do Tottenham e comparou a situação do inglês com o do recém-contrato Jack Grealish. Os dois ajudaram a seleção da Inglaterra no vice-campeonato da Copa Euro, mas possuem situações contratuais diferentes.

Segundo o treinador catalão, o jogador do Aston Villa tinha uma cláusula rescisória que facilitou a sua transferência para Manchester, diferente de Kane. Por isso, o jogador depende da vontade do Tottenham para efetivar o seu desejo de vestir as cores azuis do Manchester City e jogar ao lado do companheiro de seleção.

Em todo caso, o treinador dos Citizens deixou claro que, caso o Tottenham decida negociar o jogador, o Manchester City será um dos interessados em contratar o atacante e goleador. Rumores dizem que o City prepara uma oferta de quase 1 bilhão de euros para apresentar ao Tottenham.

O valor é bem próximo do estabelecido pelos Spurs para negociar o atleta. No entanto, Daniel Levy, presidente do Spurs, está disposto a enfrentar uma longa queda de braço com o seu camisa 10 para evitar a transferência de Kane. Enquanto isso, o mercado da bola aguarda pelos próximos capítulos dessa novela.